Partilhar

SON DE CORDA leva o seu projeto Na Casa Deles este sábado a Outeiro de Rei

A obra de Manuel María, Uxío Novoneyra, Darío Xohán Cabana, Lorenzo Varela, Luís Pimentel, Álvaro Cunqueiro, além da literatura oral, protagonizará o evento.

Este sábado, dia 18 de novembro, às 20 horas, a Casa-Museo Manuel María acolhe o concerto Na Casa Deles, umha homenagem que o cuarteto vocal Son de Corda fai a distintos distintos escritores lucenses já falecidos. Concretamente Manuel María, Uxío Novoneyra, Darío Xohán Cabana Lorenzo Varela, Luís Pimentel e Álvaro Cunqueiro.

Esperanza Iglesias, soprano, Carmen Prendes, contralto, Fernando G. Jácome, tenor, e Antón Castro, baixo, som as vozes de Son de Corda, que com o acompanhamento do pianista Raúl Rodríguez e a violinista Aldara Palmeiro, interpretarám um repertório de composições baseadas em poemas dos escritores homenageados, para além de outras peças musicais.

Durante o decorrer do concerto, projetaram-se sete curtas feitas por Manuel Lucas Mariño em distintos lugares vinculados à biografia e à escrita dos próprios poetas, e onde pessoas conhecedoras das suas obras (Mercedes Queixas, Branca Novoneyra, Alexandra Cabana, Carlos Callón, Beatriz Dourado, Antonio Reigosa e Xoán R. Cuba) salientam a ligaçom dos espaços ou lugares, recolhidos nas imagens, com os escritores que protagonizam o projeto. Em estes mesmos espaços, o compositor e produtor musical, Arturo Vaquero, gravou as distintas canções interpretadas por Son de Corda.

A entrada para o concerto é livre mas é necessário fazer reserva previamente em contacto@casamuseomanuelmaria.gal ou no whatsapp 698177621.

Industrializar Galiza. Vaia uma ironia!

Aberta convocatória da XXIV Ediçom do Prémio de poesia Fiz Vergara, que nom discrimina por normativa

Disponibilizamos contributos de Luísa Villalta na Revista Agália

Séchu Sende apresenta O Povo Improvisador no CS Gomes Gaioso da Corunha

Lançamento do livro 50 anos de Abril na Galiza, na Guarda

Sergio Rey, do IES de Cacheiras, ganha o “I Prêmio Escolar Internacional de Livros de Cordel”

Industrializar Galiza. Vaia uma ironia!

Aberta convocatória da XXIV Ediçom do Prémio de poesia Fiz Vergara, que nom discrimina por normativa

Disponibilizamos contributos de Luísa Villalta na Revista Agália

Séchu Sende apresenta O Povo Improvisador no CS Gomes Gaioso da Corunha