Partilhar

Poemas de Carvalho Calero musicados por José Luís Fernández Carnicero

jose luis fernandez carnicero
No estúdio de gravaçom, de pé, Xico Paradelo. No primeiro plano, Jose Luís Fernández Carnicero.

Há umhas semanas José Luís Fernández Carnicero publicava neste portal o avanço do projeto que estava a preparar: levar à música umha série de poemas de Carvalho Calero, em concreto 7 +2. Com agradecimento especial para Paulo Fernández Mirás, quem recompilou os poemas. As peças contam com a interpretaçom na voz de Xico Paradelo. O projeto foi realizado no estúdio de gravaçom ourensám de Javier Vaz.

Os nove temas, editados em formato MP3 som:

1-Fiestra ao mar, 2-Saudade dunha voz, 3-Enviarei-te esta cançom, 4-Água e carbono, 5-Reticências, 6-María Silêncio, 7-Romeu, 8-Ai, as perguntas e 9-Saudade dum pasado.

José Luís Fernández Carnicero disponibilizou quatro das cançons para o PGL, tanto as gravaçons como as partituras. Aqui podes ouvir o tema Fiestra ao mar:

Aqui Água e carbono:

Aqui Romeu:

Aqui Saudade dumha voz:

Ademais, neste video-resumo acrescentam-se algumhas fotografias do autor a acompanhar a música:

 

 

E aqui as partituras:

 

fiestra-ao-mar-partita

 

 

agua-e-carbono-partita

 

 

romeu-partita

 

saudade-dunha-voz

Antonio de la Iglesia: Um polímata reintegracionista

Mercedes Rosón: “Nélida Piñon gera muito interesse, pola sua obra e polo seu vínculo com o nosso país, porque ela é também nossa’

Diego Garcia apresenta o seu primeiro conto no Concelho de A Mezquita o próximo 5 de agosto

Antônio Torres: “Fiquei impressionado com a quantidade de pessoas que espontaneamente se apresentaram para participar da Leitura Continuada, como o presidente da Academia Carioca de Letras, Sérgio Fonta, a escritora Lilian Fontes, a atriz Beth Goulart”

Lançamento do livro 50 anos de Abril na Galiza, no Festigal, o 25J em Compostela

Scarpaccia de cabacinha

Antonio de la Iglesia: Um polímata reintegracionista

Mercedes Rosón: “Nélida Piñon gera muito interesse, pola sua obra e polo seu vínculo com o nosso país, porque ela é também nossa’

Diego Garcia apresenta o seu primeiro conto no Concelho de A Mezquita o próximo 5 de agosto

Antônio Torres: “Fiquei impressionado com a quantidade de pessoas que espontaneamente se apresentaram para participar da Leitura Continuada, como o presidente da Academia Carioca de Letras, Sérgio Fonta, a escritora Lilian Fontes, a atriz Beth Goulart”