Partilhar

O Estado espanhol acabou de ser aceite como Observador Associado na CPLP

espanha-na-cplpA proposta foi impulsionada polo reintegracionismo, nomeadamente pola Academia Galega da Língua Portuguesa, que trabalha neste sentido desde a sua constituiçom em 2007.

A vontade era que fosse a própria Comunidade Autónoma da Galiza a administraçom reconhecida, mas finalmente foi o Reino de Espanha quem aderiu. Na notícia oficial de La Moncloa diz:

“Cabe reseñar el notable impulso que la Comunidad Autónoma de Galicia ha dado a la candidatura de España, y, de hecho, tanto la Academia Galega da Língua Portuguesa y el Consello da Cultura Galega ya son Observadores Consultivos de la CPLP.”
Também é Observador Consultivo a Associaçom galega Docentes de Português na Galiza.
Dentre essas três entidades, duas promovem a língua portuguesa na Galiza e som independentes da administraçom.

50 anos de Abril na Galiza apresenta-se na Escola Oficial de Idiomas de Compostela

Oficina de leitura em português do Brasil

Lançamento do livro 50 anos de Abril na Galiza, em Vigo

A Mesa tramitou mais de um milhar de expedientes em 2023

Areias de Portonovo, uma jornada atlântica da Galiza ao Brasil

A USC comemora os 50 anos da revolução de 25 de Abril que deu início à democracia contemporânea em Portugal

50 anos de Abril na Galiza apresenta-se na Escola Oficial de Idiomas de Compostela

Oficina de leitura em português do Brasil

Lançamento do livro 50 anos de Abril na Galiza, em Vigo

A Mesa tramitou mais de um milhar de expedientes em 2023