Partilhar

Ateliê de português baseado no livro “Estou a estudar português” de Valentim Fagim na EOI de Ferrol

Na próxima segunda-feira dia 13 de março às 18:15h, na Escola Oficial de Idiomas (EOI) de Ferrol decorrerá o ateliê de português, baseado do manual Estou a estudar português, do professor Valentim Fagim.

Valentim Fagim, professor de português na EOI de Compostela, está especializado em desenhar materiais para aprender o idioma a partir da variedade galega ou do castelhano. O ateliê utiliza os materiais do livro, que incorpora exercícios, breves, de forma a poder integrar aqueles saberes mais estruturais ou aquelas dinâmicas mais comuns.

O manual, de quase 300 páginas, está pensado especialmente para estudantes castelhano e galego-falantes. Conta com ilustraçons de Iván Suárez e com prefácio do escritor português Marco Neve, quem diz sobre este manual “A viagem por uma língua, como muito bem diz Valentim Fagim no final do livro que tens nas mãos, é infinita — e dizer isto nem é bem uma metáfora. Podemos imaginar frases em português e continuar por toda a eternidade. Não nos acabaria a língua nunca. Assim, aprender qualquer um dos idiomas das Terra é um desafio e uma aventura, mas também algo tremendamente recompensador. De repente, temos mais uma infinitude de frases dentro de nós. De repente, podemos falar e conversar e escrever como queremos noutra língua, com mais pessoas, com palavras que nos espicaçam para pensar de outra maneira — não porque as línguas sejam fundamentalmente diferentes, mas porque cada língua tem os seus atalhos secretos para falar do mundo”

Valentim Fagim (Vigo, 1971), licenciado em Filologia Galego-Portuguesa, é professor de português na Escola Oficial de Idiomas desde 2001 e corresponsável de cursos on-line de português LE para o corpo docente da Galiza. Autor de vários livros, entre eles “Do Ñ para o NH, O galego (im)possível” e, em parceria, o “Dicionário Visual Através” e “O Galego é uma oportunidade”. No seio da área de formação da AGAL, participou, e participa, na criação e desenvolvimento do site “A Nossa Galáxia”, dos cursos on-line “Falarmos”, do ateliê para o ensino secundário “Ops, o português simples” e dos cursos “aPorto”, na cidade invicta.

Industrializar Galiza. Vaia uma ironia!

Aberta convocatória da XXIV Ediçom do Prémio de poesia Fiz Vergara, que nom discrimina por normativa

Disponibilizamos contributos de Luísa Villalta na Revista Agália

Séchu Sende apresenta O Povo Improvisador no CS Gomes Gaioso da Corunha

Lançamento do livro 50 anos de Abril na Galiza, na Guarda

Sergio Rey, do IES de Cacheiras, ganha o “I Prêmio Escolar Internacional de Livros de Cordel”

Industrializar Galiza. Vaia uma ironia!

Aberta convocatória da XXIV Ediçom do Prémio de poesia Fiz Vergara, que nom discrimina por normativa

Disponibilizamos contributos de Luísa Villalta na Revista Agália

Séchu Sende apresenta O Povo Improvisador no CS Gomes Gaioso da Corunha