Partilhar

AGAL disponibiliza coleções de Agálias e Congressos na casa do Estraviz

A AGAL, em colaboraçom com Isaac Alonso Estaviz, está a dar saída a velhas coleções de atas de congressos e revistas que atualmente se encontram armazenados no rés-do-chão do lexicógrafo ourensano (em Santa Marinha de Águas Santas), nomeadamente coleções completas dos congressos da associaçom e quase completas da revista AGÁLIA.
Quem estiver interessado em obter alguma destas coleções gratuitamente, poderá ir buscá-la(s) à própria casa do lexicógrafo ou encomendar o transporte das mesmas através da empresa Transportes Ourense Express (www.transportesourenseexpress.com) pagando o envio no destino, entre 15 e 28 euros (+ IVA), dependendo da caixa e da província de destino. Envios a Portugal ainda poderám aumentar em mais 10 euros.

Contactos da empresa de transporte:
Telefone: + 34 611 13 69 89
whatsapp: https://wa.me/message/AZEAXZBP5L7FK1

Caso se prefira visitar o Estraviz na própria casa, bastará pôr-se em contacto com a AGAL (info@a.gal), que por sua vez facilitará às pessoas interessadas o contacto do Estraviz e o seu endereço postal.
Depois, basta escolher uma coleçom de congressos (caixa de aprox. 7 kg) ou uma coleção de revistas AGÁLIA, que podem viajar em uma ou duas caixas (que em conjunto pesam entre 28 e 30 kg). Todas as caixas levam outros livros de oferta.
Quanto às Agálias, neste momento já nom está ao dispor nenhuma caixa com todos os números, havendo desde caixas em que faltam apenas 3 números até outras em que faltam 13. Irám sendo entregues de mais completas a menos por ordem de chegada dos pedidos.

Notas sobre a épica: a propósito d’Os Lusíadas e o feudalismo ibérico

Conversa com Susana Arins na biblioteca Municipal José Saramago, de Compostela, arredor da sua obra “Seique”

O Colexio de Xornalistas anuncia nova edição do Prémio ‘Somos Esenciais’

Inauguração da exposição “Sonhar a Palavra Liberdade” no Camões – Centro Cultural Português em Vigo

Crianças homenageiam Rosalia de Castro este sábado em Outeiro de Rei

Conversa arredor da obra “Porque caiu a Galiza” de José Manuel Barbosa em Carvalho

Notas sobre a épica: a propósito d’Os Lusíadas e o feudalismo ibérico

Conversa com Susana Arins na biblioteca Municipal José Saramago, de Compostela, arredor da sua obra “Seique”

O Colexio de Xornalistas anuncia nova edição do Prémio ‘Somos Esenciais’

Inauguração da exposição “Sonhar a Palavra Liberdade” no Camões – Centro Cultural Português em Vigo