Partilhar

Aberto o prazo para participar no XXVI concurso de poesia “Concello de Carral”

O Concelho de Carral convoca a 26ª ediçom do Concurso de Poesia Concelho de Carral, ao que poderám optar autoras e autores de qualquer nacionalidade, sempre que apresentem um trabalho em língua galega, da que nom se especifica escolha ortográfica obrigatória. Ficam excluídas as pessoas ganhadoras nas últimas dez edições do certame.

O prazo de admisom de originais estará aberto até o 13 de abril de 2023.

O prémio é 3.500 euros, aplicando sobre esta contia as retenções fiscais oportunas. Os trabalhos, de umha extensom mínima de 500 versos, devem ser originais e inéditos, nom premiados em outros concursos no momento das deliberações do júri. O jurado estará presidido polo alcalde ou concelheiro ou concelheira na que delegue e formarám parte dele mais duas pessoas, de reconhecido prestígio no âmbito da poesia galega, assim com a pessoa ganhadora da ediçom anterior. Atuará como secretario o técnico municipal de Cultura da câmara municipal de Carral. As deliberações som secretas e faram-se pública no mês de maio. O ato de entrega do prémio terá lugar o 9 de junho de 2023 no que é obrigatória a presença da pessoa ganhadora. O jurado pode declarar deserto o prémio.

Os trabalhos, de umha extensom mínima de 500 versos, devem ser originais e inéditos, nom premiados em outros concursos no momento das deliberações do júri.

O Concello de Carral reservara-se o direito de publicar a obra ganhadora e os direitos de autoria da primeira ediçom. A editorial Espiral Maior será a responsável da ediçom e distribuiçom comercial do livro ganhador.

As bases completas podem ser consultadas aqui.

Industrializar Galiza. Vaia uma ironia!

Aberta convocatória da XXIV Ediçom do Prémio de poesia Fiz Vergara, que nom discrimina por normativa

Disponibilizamos contributos de Luísa Villalta na Revista Agália

Séchu Sende apresenta O Povo Improvisador no CS Gomes Gaioso da Corunha

Lançamento do livro 50 anos de Abril na Galiza, na Guarda

Sergio Rey, do IES de Cacheiras, ganha o “I Prêmio Escolar Internacional de Livros de Cordel”

Industrializar Galiza. Vaia uma ironia!

Aberta convocatória da XXIV Ediçom do Prémio de poesia Fiz Vergara, que nom discrimina por normativa

Disponibilizamos contributos de Luísa Villalta na Revista Agália

Séchu Sende apresenta O Povo Improvisador no CS Gomes Gaioso da Corunha