Partilhar

A Mesa denunciará caso de agressão linguística na Delegación da Xunta de Galiza

A Mesa pola Normalización Lingüística convoca unha mesa informativa o 5 de março ás 11:00h na Galeria Sargadelos de Lugo (Praza de Santo Domingo, 4 – 27001 Lugo).
O motivo é denunciar o caso de agressão linguística acontecida na Delegación da Xunta de Galiza em Lugo e anunciar as ações que se empreenderão.
Participantes:
Elsa Quintas, vice-presidenta da Mesa e diretora do Observatorio de Dereitos Lingüísticos
Mónica Pazos, secretaria geral da Mesa
Lois Neto, responsável da Mesa em Lugo
Adela Figueroa, demandante e usuária que padeceu a agressão
Día: 5 de março
Lugar: galeria Sargadelos de Lugo
Hora: 11:00h

Carme Saborido: “A leitura continuada pode ser um impulso para mais pessoas fazerem outro tipo de consumo cultural que considere a lusofonia como um meio para atingir um fim: viver em galego”

A poesia de Rosalía e Luz Pozo em japonês

Alcachofras assadas

Alexandre Banhos: “A Lei Paz-Andrade é absolutamente desconhecida da administração galega, deu pouco de sim, poderia vir a dar no futuro”

Antonio de la Iglesia: Um polímata reintegracionista

Mercedes Rosón: “Nélida Piñon gera muito interesse, pola sua obra e polo seu vínculo com o nosso país, porque ela é também nossa’

Carme Saborido: “A leitura continuada pode ser um impulso para mais pessoas fazerem outro tipo de consumo cultural que considere a lusofonia como um meio para atingir um fim: viver em galego”

A poesia de Rosalía e Luz Pozo em japonês

Alcachofras assadas

Alexandre Banhos: “A Lei Paz-Andrade é absolutamente desconhecida da administração galega, deu pouco de sim, poderia vir a dar no futuro”