NA CASA DA LÍNGUA COMUM, EM COMPOSTELA

Academia Galega organiza seminário «Língua, sociedade civil e ação exterior»



 

Seminário AGLP 2015 (ban)

 

A Fundação Academia Galega da Língua Portuguesa (AGLP) realizará em Santiago de Compostela, o próximo sábado 27 de junho, um seminário sob o título «Língua, sociedade civil e ação exterior». O evento, na sequência da aprovação pelo Parlamento Galego da «Lei para o aproveitamento da língua portuguesa e vínculos com a lusofonia» em 2014, tem por objetivo fornecer informação e modelos para uma «posição galega» numa eventual integração da Galiza no espaço lusófono.

As intervenções estarão centradas nas dimensões linguística, cultural, económica, comunicacional e institucional, tendo em conta, por um lado, o trabalho de divulgação e aproximação realizado durante as últimas décadas por diversas entidades da sociedade civil, e por outro a necessária intervenção dos poderes públicos na ação exterior, num contexto multilateral que se desenvolve em língua portuguesa.

O seminário decorrerá de 10 a 14 horas o sábado 27 de junho, na Casa da Língua Comum (rua de Emílio e de Manuel n.º  3 de Santiago de Compostela). A entrada é livre.

Indicamos a seguir o programa do seminário:

PAINEL 1. Moderador: José-Martinho Montero Santalha

  • 10.00 Eugénio Anacoreta Correia (Comissão de Promoção e Difusão da Língua Portuguesa, dos Observadores Consultivos da CPLP)
  • 10.20 Joám Evans Pim (Comissão de Relações Internacionais da AGLP)
  • 10.40 Valentín García Gómez (secretário-geral de Política Linguística da Junta da Galiza)
  • 11.00 Pausa para café

PAINEL 2. Moderador: José Morell

  • 11.30 Fernando R. Ojea (Diretor de Comunicação da CRTVG): «A aproximación entre a CRTVG e Portugal».
  • 11.50 Joám Lopes Facal (Economista): «A dimensão do português numa economia em mudança. Uma visão galega».
  • 12.10 Carla Oliveira (Vice-Reitora da Universidade Aberta): «Cantigas de amor e rótulos de vinho».
  • 12.30 Debate

PAINEL 3. Moderadora: Concha Rousia

  • 13.00 Roberto Samartim (Grupo Galabra, da Universidade de Santiago): «A Galeguia como trave e como chave. Relações culturais e bem comum».
  • 13.20 Carlos Durão (Comissão de Lexicologia e Lexicografia da AGLP): «Apresentação do Vocabulário Ortográfico Galego».
    13.40 Debate
  • 14.00 Encerramento do Seminário pelo Presidente da AGLP, José-Martinho Montero Santalha, e o Embaixador Eugénio Anacoreta Correia.

 

+ Ligações relacionadas:

 

 


PUBLICIDADE