‘ A Tecer aranheiras’ crítica de Teresa Moure no PGL



Começamos o ano 2017 com novidades, uma delas é a colaboração de Teresa Moure que irá publicando no seu novo blogue: A tecer aranheiras, artigos de opinião e crítica literária que serão logo publicados no PGL.
Com isto, a escritora, pretende fazer um chamado pela necessidade da crítica literária, e especialmente da crítica de livros escritos no reintegracionismo, que infelizmente não são muito comuns nem nos espaços generalistas nem nos especializados. Apelo que do PGL concordamos: necessitamos resenhas. Não se pode escrever no silêncio absoluto.
teia_de_aranha
 Nas suas palavras:

Quando blogues já não estão na moda, quando ninguém tem tempo para ler, aranhas começam a segregar os seus fios. Porque há livros escritos com tinta invisível que traçam cartografias da resistência. Como a limpeza doméstica é uma guerra sem reservas, há de ser simples dar cabo das aranhas. Ou talvez não.

A primeira resenha, publicada o dia 5, que inaugurava o blogue, e hoje publicamos na secção Opinião, destaca o último poemário de Mário Herrero.


PUBLICIDADE