Lançamento em Alhariz das ‘Conversas com Isaac Alonso Estraviz’

O lexicógrafo de Vila Seca é autor do dicionário mais completo em galego-português



Conversas com Isaac Alonso Estraviz (capa)Sexta-feira, dia 23 de maio, às 20h30, terá lugar na Fundação Vicente Risco de Alhariz (rua de São Lourenço, 3) o lançamento das Conversas com Isaac Alonso Estraviz, fruto do alargado diálogo que durante vários anos manteve Bernardo Penabade com o lexicógrafo de Vila Seca.

Isaac Alonso Estraviz foi o construtor do dicionário mais completo em galego-português. Através deste livro poderemos conhecer melhor o professor, o monge, o ativista, o estudioso… A figura de Estraviz e o seu perfil humano e profissional deixam de ser privativos daqueles círculos que tivéram relacionamento com ele durante os seus mais de quarenta anos de trabalho.

No relato poderemos conhecer a criança, as suas lembranças na aldeia, em Vila Seca, da sua chegada ao mosteiro de Usseira, da vida no mosteiro e dos inícios da sua formaçom humanística. O posterior desterro e mesmo o abandono do monacato abre uma nova etapa na sua vida, completando a sua formaçom, morando em várias cidades –Madrid, Lisboa, Pamplona, Aquisgrám, Albacete, etc.– e construindo e coordenando a sua maior obra: o mais completo dicionário de galego-português.

A ediçom está ilustrada com numerosas fotografias da vida de Estraviz, com um anexo e dezasseis páginas a cor que mostram visualmentes diferentes momentos da vida do professor. Além, a capa do livro foi escolhida polos leitores e leitoras da Através mediante um concurso no qual cinco pessoas ganhárom um exemplar assinado polos autores.

Bernardo Penabade

Nascido nas Granhas do Sor em 1964, é professor de Língua e Literatura no Instituto Perdouro de Burela. Foi presidente da AGAL de 2001 a 2007. A partir de 2008 impulsiona o ‘Modelo Burela’, primeiro projeto de planificaçom lingüística aprovado por unanimidade numa vila galega.

+ Ligações relacionadas:


PUBLICIDADE

  • madeiradeuz

    Fiquei com mágoa de não ter podido estar no lançamento de Compostela. Espero ter uma nova oportunidade por perto.