Opiniom

  • A República Socialista de Vila Maior

    Neste novo capítulo de ‘Aldeias de Ordes’, Carlos C. Varela analisa o topónimo de Vila Maior, freguesia da comarca de Ordes.

  • A eutanásia

    Ramom Varela analisa os modelos éticos frente a eutanásia, questão que centrou o debate público das últimas semanas.

  • Duas normativas para o galego?

    Xoán Antón Pérez-Lema dá conta do estado da questão binormativista, valorando avanços e urgindo atuações.

  • Da Blockchain ao anarquismo de Ricardo Mella

    Paulo Gamalho explica o anarquismo escondido por trás das ‘bitcoin’ para ligá-lo com o ideário de Ricardo Mella e o ativismo social do nosso país.

  • Prisciliano como arauto da nova era

    “Mãe Primordial, “Senhora de todos os povos“– Dizem que a germinação só acontece sob a terra, ao abrigo de todos os ventos e de todas as luzes múltiplas”  (várias leituras que permitiram esta composição livre) Para situar a obra feita por Prisciliano, e a semente deitada, na fértil terra Galaica e Lusitana, começaremos primeiro por falar dos Essênios. Estas […]

  • A cas Ferrim ou a cas Carou?

    Talvez polo passo do tempo, talvez porque nesta andaina que vamos fazendo todos cada vez sou mais consciente de que as identidades de cada quem vão formando-se por adição e resta de elementos trazidos daquí e dacolá, que depois se vão cristalizando em diferentes escalas. Alguns deles são partilhados com alargadas comunidades, outros são apenas […]

  • Espanha deve pedir perdão?

    Ramom Varela repassa os desastres diplomáticos do Estado espanhol e reflite sobre a necessidade duma desculpa por parte das forças coloniais.

  • Apelidos LINHARES e LINHEIRA(s): Os tecidos da comunidade

    Carlos C. Varela explora as origens e ramificaçons sociaise humanas do apelido Linhares, o oitavo mais frequente na comarca de Ordes.

  • A equipagem está pronta

    Eliseu Mera fala sobre a convergência de perspetivas no caso da norma ortográfica galega a consequência das declarações do presidente da RAG, Víctor F. Freixanes.

  • Fala-lhe galego

    Jon Amil fala sobre a sua experiência em Euskal Herria e traslada as observaçons dessa realidade sociolinguística nas crianças ao caso da Galiza