O projeto obtivo 9.000 euros fronte aos 2.500 que solicitava em Verkami

A BD sobre Carvalho Calero finaliza o seu crowdfunding com sucesso esmagador

A impressom da obra começará nos dias vindouros



capa-bd-carvalhoDepois de quarenta dias, a banda desenhada “Ricardo Carvalho Calero: Coraçom de terra” finalizava esta semana, na manhá do 11 de maio, a sua campanha de microfinanciamento. Os desenhos de Iván Suárez e as mostras do roteiro de Xico Paradelo e Irene Veiga que se fôrom publicando nas redes convencêrom um total de 301 patrões que achegárom um total de 9.045 euros mediante a plataforma de crowdfunding Verkami.

A campanha, que partia dum objectivo inicial de apenas 2.500 euros, pretendia conseguir fundos para cobrir umha ediçom de luxo, em formato A4 e capa dura, desta obra. O sucesso conseguido, com 362% mais de fundos dos previstos, levou a que as firmas corresponsáveis da ediçom, a Demo Editorial e a Através Editora, fossem ampliando recompensas para as pessoas contribuintes. Deste jeito, para além do seu pacote correspondente, com láminas exclusivas e exemplares assinados como presentes principais, cada doaçom dá direito ademais a um autocolante, um crachá e um marcador de leitura com ilustrações da obra, umha assinatura personalizada dos autores, quatro versões musicadas de poemas de Carvalho Calero em MP3 e mais um cartaz com um cantar de cego sobre a obra.

O sucesso conseguido, com 362% mais de fundos dos previstos, levou a que as firmas corresponsáveis da ediçom, a Demo Editorial e a Através Editora, fossem ampliando recompensas para as pessoas contribuintes.

 

A obra, pronta para enviar à imprensa, tem unicamente pendente acrescentar os nomes de todas e todos os contribuintes para entrar em máquinas. Depois do processo de impressom e enquadernaçom da obra e das diferentes recompensas procederá-se ao envio direto às pessoas que participárom no Verkami. A seguir iniciará-se a distribuiçom da BD em livrarias e pontos de venda habituais, onde está previsto que a equipa autoral inicie umha turnê de apresentaçom logo que seja possível.

A BD publica-se com o apoio da Xunta de Galicia, a Asociación Cultural BD Banda, as livrarias Paz e Kómic, A Mesa pola Normalización Lingüística e os concelhos de Ferrol, Lugo, Santiago de Compostela, Carvalho e Ponte Vedra.


PUBLICIDADE