RADIO TEVISIÓN ESPAÑOLA

Bernardo Penabade é entrevistado na edição em português da RTVE

Durante a conversa explica o que é o reintegracionismo, fala de Higínio Martinez e também do Proxecto Neo.



bernardo-penabadeA Emissão em Português trata de assuntos de interesse tanto para o Estado espanhol como para Portugal, Brasil e os demais países lusófonos. É dirigido e apresentado por Estela Viana, com uma duração de 30 minutos. Realizado em português nos estúdios da Rádio Exterior da Espanha em Madri, com a colaboração de correspondentes em São Paulo, Rio de Janeiro, Barcelona e Lisboa, o programa oferece reportagens e entrevistas que abarcam todos os âmbitos da atualidade informativa, como cultura, sociedade, economia, turismo e política.

Nesta ocasião, a entrevista com Bernardo Penabade foi uma aproximação ao que é o reintegracionismo. De forma muito didática, o professor da Marinha esclareceu que “reintegracionismo significa encontro, e a recuperação do tradicional, não está a inventar nada”. Penabade sinalou a origem do galego-português no território da Galiza: “Se nós dizemos lusofonia, entendemos que o idioma nasceu em Portugal, mas nasceu cá, na Galiza!”.

De forma muito didática, o professor da Marinha esclareceu que “reintegracionismo significa encontro, e a recuperação do tradicional, não está a inventar nada”.

E também insistiu em que a “ortografia é umha convençom”, sinalando como o momento de maior esplendor do movimento nos começos do século XX: “O reintegracionismo nunca deixou de existir, em toda a história houve figuras que reivindicaram o uso escrito do nosso idioma, mas a maior é do ano 1916, com as Irmandades da Fala. Aos olhos do século XXI deveriam ter sido Irmandades da Língua, e não apenas da fala. Mas isso é uma questão que vemos desde hoje, porém, já na altura era revolucionárias.”

“O reintegracionismo nunca deixou de existir, em toda a história houve figuras que reivindicaram o uso escrito do nosso idioma, mas a maior é do ano 1916, com as Irmandades da Fala. Aos olhos do século XXI deveriam ter sido Irmandades da Língua, e não apenas da fala.”

Também aproveitaram a conversa para fazer um repasso pela figura de Higínio Martínez, recentemente falecido. De quem Bernardo é biógrafo e amigo, e fez um repasso pela obra do linguística e professor da diáspora.

Ainda, também deu para falar do projeto Neo, do que Penabade é impulsor, com estudantado e pessoas migrantes que chegam à comarca da Marinha.

O programa pode-se ouvir aqui:

https://www.rtve.es/alacarta/audios/emision-en-portugues/emisso-em-portugues-movimento-galego-defende-uso-uma-ortografia-comum-com-portugues-05-07-21/5975418/


PUBLICIDADE

  • Paulo Soriano

    Brilhante entrevsta, Bernardo. Clara como a luz do Sol. Meus imensos parabéns!!!!

  • https://pglingua.org/index.php abanhos

    Muito boa, com certeza