Todos os artigos de Manuel Meixide Fernandes

  • NO BARCO DA TERRA

    Tenho pensado muito na nossa emigração, na emigração galega. No salão da minha casa de Chantada ainda há um grande relógio, que trouxe a minha bisavó Dosinda de Cuba nas primeiras décadas do século XX. É um relógio de madeira muito formoso. Na minha memória naquela parede do salão sempre lá esteve, ocupando o seu […]

  • AMIGO VEM!

    Ao Afonso Fernandes, grande amigo e amante do Zeca            O diretor do PGL, o companheiro Ernesto Vázquez Sousa, pediu-me que escrevesse qualquer cousa, um algo, sobre o Zeca Afonso e a Galiza. Ao começo pensei que não estava capacitado e rejeitei amavelmente a proposta, a aludir um futuro artigo sobre a eterna dialética […]

  • A voz da saudade

    In memoriam Joaquim Fernandes Pardo   Tive o imenso privilégio de ter conhecido e amado o meu bisavô materno, Joaquim Fernandes Pardo, também conhecido como o Jaquim do Prússio, um homem extraordinário nado em 1890 em terras chantadinas. Aos noventa e sete anos morreu no Paço dos Tangueiros, uma casa de aldeia em Pousada, freguesia […]

  • Escrever cara riba: luar intenso alumiando o caminho

    Resenha de ‘Diarios’ de Carlos Calvo Varela, através editora 2015.