Todos os artigos de Carme Saborido

Carme Saborido é uma ativista sociocultural e professora. Nasceu em Padrom em 1982 e licenciou-se em Filologia Galega na USC. Atualmente frequenta o grau de Língua e Literaturas Modernas na mesma universidade. O seu blogue, Lusopatia , quer ser uma janela aberta ao mundo que permita ver os vastos horizontes e dinamismo da nossa comunidade linguística.
  • Dandara dos Palmares

    Hoje é comemorado o Dia da Consciência Negra no Brasil. De facto, este tema foi um dos nossos primeiros post. Nele falamos um bocado da figura do Zumbi dos Palmares, agora até podemos fazer uma ampliação dessas figuras histórias brasileiras. Na luta contra o racismo e a discriminação, falaremos hoje da Dandara dos Palmares. A Dandara (?-1694) […]

  • Aniversário

    Hoje o Lusopatia faz anos. É dia de festa e os nossos circuitos soltam faíscas! Para festejar vamos deixar uma série de vocabulário útil: aniversário, dia de anos, fazer anos: é o dia em que se completa um ou mais anos sobre a data de um acontecimento, pode ser o nascimento de uma pessoa, de uma […]

  • Cineuropa 2019

    Carme Saborido faz uma folha de navegação para quem quiser estar a par de todo o conteúdo lusófono do festival Cineuropa 2019.

  • Falso amigo: colégio

    Está na hora de regressarmos às aulas, com todos os traumas que isso supõe para algumas pessoas. Em criança nunca gostava da pergunta aquela “e quando começas as aulas?”, vinha sempre da boca de uma pessoa adulta, talvez cansada de me aguentar, e parecia quase uma ameaça. A vida adulta levou-me a ser professora, portanto, […]

  • O que a Galiza deu a Portugal: galegos e galegas na História portuguesa

    Carme Saborido desenha três roteiros diferentes para conhecer mais sobre os vínculos da sociedade da Galiza e Portugal.

  • Origem de termos económicos

    Como começaram 2019? tiveram muitas despesas nas festas? É janeiro e este mês sempre custa levar as contas, poupar e estar de bem com a vida. Ontem comecei um fio no Twitter que me levou a escrever este artigo. A curisidade foi a origem do termo Poupar e foi como as cerejas: nunca podes comer […]

  • As 8 postagens menos bem sucedidas em 2018

    Chega o final do ano e é impossível não fazermos balanços. Contudo, eu confesso, sempre tenho maior sensação de iniciar uma nova etapa ou encerrá-la na sequência do ano académico. Serão os ossos do ofício. O que acham desse ditado que diz Segundas chances nunca dão certo? Nós pensamos que pode haver uma segunda chance para algum dos nossos […]

  • Votar em

    As pessoas galegófonas fomos abençoadas nas últimas semanas. Quem se importar com a língua tem visto como nos últimos anos os apoios institucionais foram dizimados nas escolas e outros organismos. As associações que têm a língua como foco sabem disto. Mas nestes dias houve uma volte-face, pequenos gestos que fizeram a diferença. Sabela, uma cantora […]

  • Veem ou vêm?

    Estamos a escrever e temos estas dúvidas com os acentos? fazemos confusão entre uma forma verbal e a outra? Este artigo pode fazer a diferença. Na passagem do latim ao romance, muitas consoantes mediais que estavam entre vogais desapareceram ou viraram mais fracas, dando lugar a muitos hiatos. Alguns deles fizeram uma crase e outros […]

  • Eu fiz? eu fez*? ele estive*? ele esteve?

    Como hoje é o Dia das Bruxas e amanhã Todos os Santos, vamos com coisas que me fazem arrepiar: que o Ç apareça antes de um E ou um I. Nãaaaaoooo, horror! Sabem que Ç apenas pode ir com A, O ou U: caçar, poço, açúcar. erros na conjugação da P1 e P3 do Pretérito […]