Agenda

Abr
16
Seg
Pré-inscrição nos aPorto 2018 @ http://www.aporto.org/inscricao/

De 16 de abril a 31 de maio permanecerá aberta a pré-inscrição dos cursos aPorto 2018 que neste ano apresentam novidades que acrescem ainda mais a focalização na produção oral.

Na presente edição, para além da já clássica aportovisita guiada pela cidade, as atividades socioculturais incluem um ateliê de fonética e dicção lecionado por Rui Spranger e uma série de conversas em mini-grupos à volta de temáticas variadas (música, mídia, teatro, economia…) geridas por portuenses que atuarão de cicerones pela cidade do Porto.

As semanas da presente edição serão:

  • 23-27 de julho (aPorto clássico)
  • 30 de julho-3 de agosto (aPorto clássico)
  • 6-10 de agosto (aPorto Docentes)

O aPorto Docentes é um formato específico dos cursos aPorto para o professorado do Ensino Público da Galiza (foi concedida de modo prévio e provisional a petição de homologação das horas de formação). Com um programa diferente, o foco dirige-se a atingir os conhecimentos básicos da língua portuguesa.

O preço, que inclui aulas matutinas e atividades socioculturais vespertinas, é de 210 euros mas no caso de sócios/as da AGAL, estudantes, ex-alunos/as, afilados/as da Cig e pessoas reformadas e desempregadas será de 175 euros. Toda a informação no próprio site. Para resolver qualquer dúvida ao respeito, o email certo é [email protected] e pessoa, Graciela Lois, coordenadora da área de formação.

pré-inscrição não acarreta nenhuma despesa, apenas reservar uma vaga até a inscrição decorrer em 1 de junho.

Mai
17
Qui
Lançamento de ‘Raízes de Pessoa na Galiza’ em Lisboa @ FCSH - Universidade Nova de Lisboa
Mai [email protected]:30 pm_5:00 pm

O Centro de Estudos Galegos da Universidade Nova de Lisboa organiza o lançamento do mais recente trabalho do professor Carlos Quiroga, Raízes de Pessoa na Galiza, que prova o nexo genealógico que por via materna leva Fernando Pessoa a um trisavô galego: Caetano Dionísio de Lens, natural de Outes.

O evento terá lugar em 17 de maio, Dia das Letras Galegas, a partir das 15h30 na Sala Multiuso 2 I&D da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH) com a participação do autor.pessoa-lx

Mai
23
Qua
OPS! em Ferrol @ IES Saturnino Montojo
Mai [email protected]:55 am_2:30 pm

A professora Graciela Lois ministrará em 23 de maio dois ateliês OPS! (O Português Simples) no IES Saturnino Montojo de Ferrol. Os obradoiros, com uma duração de 100 minutos cada um, decorrerão das 10h55 às 12h35 e das 12h50 às 14h30 dirigidos ao alunado do 3º curso da ESO e do PEMAR.

A atividade está organizada e financiada polo Gabinete de Normalização Linguística do Concelho de Ferrol.

ops

Mai
26
Sáb
Lançamento do ‘Atlas das Nações sem Estado na Europa’ em Barcelona @ Ateneu Roig (Carrer del Torrent d'En Vidalet, 34 - Barcelona)
Mai [email protected]:15 pm_6:00 pm

Com motivo da celebração do Dia das Letras Galegas em Barcelona, a  Asemblea Cultural Galega de Barcelona organiza o lançamento do Atlas das Nações sem Estado na Europa de Mikael Bodlore-Penlaez.

O evento terá lugar no Ateneu Roig no sábado 26 de maio, às 17h15, com a participação do promotor e tradutor da obra, Abrahan Bande, e de Victor Giadás, da Através Editora.atlas-em-bcn

Mai
28
Seg
OPS! em Ferrol @ IES Ricardo Carvalho Calero
Mai [email protected]:30 pm_2:10 pm

A professora Graciela Lois ministrará em 28 de maio um ateliê OPS! (O Português Simples) no IES Ricardo Carvalho Calero de Ferrol. O obradoiro, com uma duração de 100 minutos, decorrerá das 12h30 às 14h10 dirigido ao alunado do 1º curso de Bacharelato.

A atividade está organizada e financiada polo Gabinete de Normalização Linguística do Concelho de Ferrol.

ops

Mai
30
Qua
OPS! em Ferrol @ IES Ricardo Carvalho Calero
Mai [email protected]:30 pm_2:10 pm

A professora Graciela Lois ministrará em 30 de maio um ateliê OPS! (O Português Simples) no IES Ricardo Carvalho Calero de Ferrol. O obradoiro, com uma duração de 100 minutos, decorrerá das 12h30 às 14h10 dirigido ao alunado do 1º curso de Bacharelato.

A atividade está organizada e financiada polo Gabinete de Normalização Linguística do Concelho de Ferrol.

ops

Jun
6
Qua
Lançamento de ‘Dixie em Wonderland’ em Compostela @ Café-Bar 13 (Santa Clara, 13 - Compostela)
Jun [email protected]:00 pm_9:00 pm

Na quarta-feira 6 de junho, às 20h00, o Café Bar o 13 (Santa Clara, 13) de Compostela acolherá o lançamento do romance Dixie em Wonderland assinado polo enigmático Dixie Fredberg.

Virá o misterioso Dixie Fredberg ao seu próprio lançamento? Quem sabe… De momento, da Através convidamos-vos a um serão de enredos arredor da literatura de aventuras, um trivial sobre a cidade do Porto e um brinde com vinho do Porto. dixie_compostela

Jun
9
Sáb
Apresentação de ‘Alicerces’, a nova coleção da Através Editora @ SELIC 2018 (Praça da Quintã - Compostela)
Jun [email protected]:30 pm_1:30 pm

Dentro da programação da Semana do Livro de Compostela (SELIC 2018) a Através Editora apresenta uma nova coleção de ensaio, Alicerces: livros em formato breve que desenvolvem os fundamentos básicos de um determinado assunto.alicerces

Na apresentação serão lançados os dous primeiros volumes da coleção: Sobre a eutanásia. Quando decidir que uma morte é vital de Brais Arribas e Confio-te o meu corpo. A dramaturgia pós-dramática de Afonso Becerra de Becerreá.

O evento terá lugar no sábado 9 de junho às 12h30 na Praça da Quintã com a presença do autor do primeiro volume da coleção, Brais Arribas, e de Teresa Moure, diretora de Alicerces.

Jun
21
Qui
Lançamento do ‘Atlas das Nações sem Estado na Europa’ em Compostela @ A Gentalha do Pichel (Santa Clara, 21 - Compostela)
Jun [email protected]:00 pm_9:00 pm

35646164_2105528389717551_408863238558580736_nA Comissom de História da Gentalha do Pichel organiza o lançamento do Atlas das Nações sem Estado na Europa de Mikael Bodlore-Penlaez.

O evento terá lugar no local da associaçom na Rua de Santa Clara 21,  em 21 de junho (quinta-feira) às 20h00, com a participaçom dos tradutores da obra, Abrahan Bande e Fernando V. Corredoira, e de Valentim Fagim, co-diretor da Através Editora.

Jun
26
Ter
Galego, porta aberta para o mundo. Curso de verão na USC @ Faculdade de Filologia da USC

OBJETIVOS curso-de-verao
Hoje a língua galega experimenta uma situação crítica: todos os indicadores alertam sobre o seu esmorecimento progressivo, especialmente entre falantes jovens. Como símbolo de identidade coletiva nuns tempos onde o termo nação suscita controvérsias, as políticas ensaiadas para a sua promoção e dinamização não semelham ter produzido resultados satisfactórios. Nesse contexto, o curso Galego, porta aberta para o mundo tenciona abrir um debate entre diferentes agentes sociais, políticos e culturais e analisarmos as hipóteses de promoção da língua à luz da Lei Paz Andrade, aprovada no Parlamento Galego, e destinada a introduzir o português na educação e nos meios de comunicação para frear a morte da língua desenvolvendo as suas possibilidades internacionais. O galego internacional implica aceitar uma comunidade de variantes na lusofonia que apaga fronteiras numa sociedade cada vez mais interconectada, dinámica e plural. As suas vantagens culturais e económicas, os seus alicerces filológicos e sociolinguísticos e a sua potencialidade para revitalizar o idioma serão estudados com detalhe. Explicarmos o como e o porquê desta opção, estudarmos as suas consequências no ensino, nos produtos culturais e simbólicos e na realidade económica imediata, sem excluirmos as posturas críticas ou céticas tornou-se numa questão fulcral para a sociedade galega atual; um assunto, aliás, que liga o passado com o futuro, o nosso território e a nossa cultura com outras geografias e perceções da realidade, visando recuperar o papel da Universidade como espaço de ponte entre as teorias académicas e o bem-estar social.

PROGRAMA
26/06 Do que estamos a falar
9:30 Inauguração a cargo de Valentín García, Secretario Xeral de Política Lingüística.
10-11:30: Os grupos políticos e a Lei Paz Andrade. Mesa redonda. Moderador: Ângelo Cristóvão, vice-presidente da AGLP. Participam: Concepción Burgo (deputada no Parlamento Galego, PSOE), Ánxeles Cuña (deputada no Parlamento Galego, En Marea), César Fernández Gil (deputado no Parlamento Galego, PP), Olalla Rodil (deputada no Parlamento Galego, BNG).
12-13:30: Pode ser o galego uma oportunidade? Valentim R. Fagim (prof. de português na EOI) e José Ramom Pichel (engenheiro informático).
16-17:30: Que foi do português no ensino? Mesa redonda. Moderador: Carlos Quiroga (prof. da USC). Participantes: Miguel Rios (prof. de ensino secundário) Carme Saborido (prof. de ensino secundário), Carlos Valcárcel (prof. da UDC).
18-20: Empresas que prometem romper fronteiras. Participantes: Paulo Cundins (Dinahosting), José Ramom Pichel (imaxin/software), Ramom Pinheiro (aCentral Folque), Manuel Vázquez (Rede Galega de Empresas).
27/06 Estratégias para internacionalizar a língua
10-11:30: Aprender e desaprender galego-português a toda a rapidez. Antia Cortiças e Valentim Fagim (professores de português na EOI).
12-14:00: Dinâmica de grupos: o dilema de mudarmos de hábitos. Sabela Fernández (prof. de ensino secundário) e Teresa Moure (prof. da USC).
16–17:30: Como nos vêem lá fora? Marco Neves (prof. na Univ. de Lisboa) e Joana Magalhães (Investigadora pós-doutoramento no Instituto de Investigación Biomédica da Corunha)
18-20: Em carne viva. Recital com as poetas Susana Arins, Tiago A. Costa, Mário Herrero, Concha Rousia.
28/06 Pontos críticos
10-11:30: Argumentos céticos ou contrários ao galego internacional. Antón Dobao (linguista na CRTVG)
12-13:30: Que se passa com as mulheres e a língua? Mesa redonda. Moderadora: Llerena Perozo (editora). Participantes: Susana Arins (prof. ensino secundário), Antia Cortiças (prof. na EOI), Raquel Miragaia (prof. ensino secundário).
16-17:30: Documentário Porta para o exterior e debate com @s [email protected] Sabela Fernández e José Ramon Pichel.
18-20:00: Editar na normativa internacional, o que pensam as editoras. Mesa redonda. Moderador: Roberto Samartim (prof. da UDC). Participantes: Manuel Bragado (Xerais), Francisco Castro (Galaxia), Teresa Crisanta Pilhado (Através), Rafael Xaneiro (Axóuxere).
29/06 A obter conclusões
10-11:30: O futuro da língua em cifras. Jorge Mira (prof. da USC)
12-14:00: Pode o audiovisual acelerar o encontro cultural galego-português? Moderadora: Fernanda Tabarés (diretora de Voz Audiovisual). Participantes: Fernando R. Ojea, Dir. de Contidos da CRTVG e Teresa Paixão, Diretora de programas RPT2.
16-17:30: Stop Apartheid e conclusões do curso. Mário Herrero (tradutor, poeta e investigador) e Teresa Moure (prof. da USC).
18-19:30: Palestra de clausura: Língua, cultura e comunidade galega: Tentativas para maior coesão e satisfação. Elias J. Torres (prof. da USC)
19:30 Entrega de diplomas