A Semente Compostela oferta acampamentos até o 21 de agosto

As crianças de 3 a 12 anos podem participar até 8 semanas nos acampamentos para seguir brincando e aprendendo na natureza e facilitar a conciliaçom familiar.



acampamentoA Escola Semente oferta vagas nos seus acampamentos de verão, para crianças de 3 a 12 anos, até o 17 de agosto, nos seus locais da Rua Salvadas e da Rua Torreira. Por causa da COVID-19, o horário este ano fica mais reduzido do habitual (de 9 a 14 horas), e nom haverá jantares. Para conseguir vaga, cómpre anotarse a través deste formulário, e as inscriçons faram-se por estrita ordem de chegada. No momento da confirmaçom da vaga será enviado o protocolo que devem seguir a escola e polas famílias que quigerem assistir ao acampamento.

As inscriçons fazem-se por semana (do 6 ao 10, do 13 ao 17, do 20 ao 24, e do 27 ao 31 de julho; e do 3 ao 7, do 10 ao 14 e do 17 ao 21 de agosto). O preço é de 75 euros 1 semana (50 alunado da Semente, pessoas colaboradoras ou desempregadas); 135, duas (ou 90 nos casos assinalados); 195, três (ou 130); 250, quatro (ou 170); 305, cinco (ou 210); 345 por seis semanas (250); 385 por sete (ou 290); e 425 as oito semanas (330 nos casos comentados). Também há um desconto do 20% para irmãs.

As atividades, por questons de saúde, tiveram que mudar um bocadinho este ano (nom se podem partilhar merendas, cada criança tem que levar a sua garrafa de auga, reduzem-se os brinquedos, que têm que ser desinfetados diariamente) mas muitas características habituais do trabalho da Semente, como a permanência no exterior e o contato com a natureza, são compatíveis com as medidas de segurança necessárias. Também as ratios com as que se costuma trabalhar na Semente, mui reduzidas, favorecem a prevençom.

Continua o GOTEO

Por outra banda, a Semente continua com o microfinanciamento para abrir umha escola que mantenha estas características e agrupe ao alunado de infantil e primário nas Moas, na parróquia de Figueiras, na zona de Vidám. Atingido o objetivo mínimo, ficam duas semanas para acadar o necessário (130 mil euros) para a reforma do imóvel que se quere converter em escola, e pode-se participar aqui. 

Mais informaçom nos telefones 652807742 (Comba) ou 658288872 (Lara).


PUBLICIDADE