Seminário: A Lei Paz-Andrade e as Políticas de Língua



O Seminário «A Lei Paz-Andrade e as Políticas de Língua», que se vai realizar o dia 26 de junho no Museu do Povo Galego sob organização da AGLP, pretende ir ao encontro das necessidades atuais da política da língua. Os oradores são parte importante do presente e futuro do português na Galiza e na CPLP.

A assistência do secretário-geral de Política Linguística do Governo Autónomo galego, Valentín García, do diretor executivo do IILP, Gilvan Olveira, do embaixador Eugénio Anacoreta Correia, do Observatório da Língua Portuguesa, da coordenadora da Equipa Técnica Central do PPPLE – Portal do Professor de Português Língua Estrangeira do IILP, Edleise Mendes, e do professor Rolf Kemmler, da UTAD, além dos significados intervenientes galegos, evidencia um compromisso público com a aplicação da lei 1/2014 e o futuro linguístico da Galiza.

Programa [PDF]:

10h00 – Abertura do secretariado e entrega de materiais.

10h30 – PAINEL 1 Modera: José-Martinho Montero Santalha (Presidente, AGLP).
Gilvan Müller de Oliveira, Diretor Executivo do Instituto Internacional da Língua Portuguesa: «O Vocabulário Ortográfico Comum da Língua Portuguesa e as Políticas Linguísticas Multilaterais do IILP/CPLP».
Eugénio Anacoreta Correia, Coord. da Comissão Temática de Língua dos Observadores Consultivos da CPLP: «Português, língua global».
Valentín García Gómez, Secretário Geral de Política Linguística, Xunta de Galicia: «Génese e perspectivas da Lei Paz-Andrade».

12h00 – Pausa para café. Visita ao Museu.

13h00 – PAINEL 2 Modera: Concha Rousia (AGLP).
Carlos Durão, AGLP: «O Vocabulário Ortográfico Galego».
Valentim R. Fagim, AGLP: «O aluno galego de língua portuguesa. Um caso especial».
Edleise Mendes, Coordenadora da Equipa Técnica Central do PPPLE: «O português em perspectiva multilateral: o Portal do Professor de Português Língua Estrangeira/Língua não-materna (PPPLE/IILP)».

17h00 – PAINEL 3 Modera: Ângelo Cristóvão (Secretário, AGLP).
Isaac Alonso Estraviz, AGLP: «O Dicionário Estraviz Atualizado».
Rolf Kemmler, CEL/UTAD: «Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa (1990): um código da escrita unificado para diversas normas cultas na lusofonia».
Joám Evans Pim, AGLP: «Perspectivas da Lei do Português da Galiza».


PUBLICIDADE

  • Galician

    E para ir há que inscrever-se ou é acesso livre?

    • Ângelo Cristóvão

      Acesso livre.