‘Resistência, guerrilha e repressom’ palestra de B. Maiz no Facho

09 de Outubro, 8 hs. Portas Ártabras – R. Sinagoga, 22



logofacho

A Agrupaçom Cultural O Facho de A Corunha convida-o a assistir aos seus ciclos de palestras públicas do período 2018-19

Palestra

O vindoiro dia 09 de Outubro, o historiador e investigador, Bernardo Máiz Vázquez falará dentro do ciclo, Economia, História e, Realidade Social com a sua palestra intitulada: “Resistência, guerrilha e repressom” O acto realizara-se em Portas Ártabras, Cidade Velha, às 8 do serám. Ao findar a mesma departirá com os assistentes sobre o exposto na conferencia.

Máiz Vázquez, é Lcdo. em Geografia e História e Doutor em História Contemporânea. Foi professor de secundaria e catedrático jubilado. Forma parte do Colectivo “Memoria Histórica Democrática”, com que esculca na mecânica da repressom franquista na Galiza. Dende 1977 vem investigando na história da Galiza resistente e no património marítimo galego. Entre as suas destacam: “Galicia na IIª República e baixo o franquismo”, “Memoria-Catálogo das publicacións galegas antifranquistas,Resistencia, guerrilla e represión. Causas e Consellos de Guerra. Ferrol. O marco lexislativo represivo do franquismo”,Castelo de San Felipe. Cárcere e morte . “Amada García e os seus arredores

No medio audiovisual, con Agustín Fernández Paz guiom de “Xan de Xenaro, memoria de 32 anos. Foi também assessor histórico das películas A cidade da selva , A mariñeira de Quilmas, As silenciadas.

Recebeu em 2010 o prémio Manuel Murguía ao Labor e Mérito Historiográficos, outorgado pola Associaçom Galega de Historiadores. É assi mesmo autor de vários guions de vídeo e para TV. Tem colaborado (e colabora) com iniciativas cidadás e sindicais.

Dia: 09 de Outubro 2018Hora: 8 do serám

Local: Portas Ártabras – Rua Sinagoga 22 – Cidade Velha

J. Alberte Corral Iglesias

Presidente d’O Facho

Correio electrónico: [email protected]

Segue-nos em Facebook: Agrupación Cultural O Facho

Blogue: http://agal-gz.org/blogues/index.php/ofacho


PUBLICIDADE