AGAL

  • Turné Paula Godinho na Galiza

    Paula Godinho, vai estar na Galiza para apresentar o seu último livro, O futuro é para sempre, livro com que a antropóloga portuguesa passa a fazer parte do capital de autores/as da Através Editora.   As datas e os lugares em que o apresentará são as que seguem: – Segunda-feira 12 de junho às 20h00 em […]

  • Membro da «família AGAL»

    Amigas e amigos, como bem falou o nosso presidente, concebo a AGAL, acima de tudo, como uma família. Uma grande e heterogénea família. A fortaleza da nossa associação assenta, ao meu ver, nessa diversidade, na permanente capacidade de enriquecermos o nosso projeto com novas ópticas, com novas estratégias, com renovadas linhas de trabalho. Isto permite […]

  • Helen Burr: “Os galego-falantes que conheço têm a minha admiração total – a sociedade atual não facilita a decisão de vivermos em galego”

    Entrevistamos Helen Burr, de Memphis, Tennessee, estudou trompa na Universidade Northwestern (Chicago), morou durante seis anos na Nova Zelândia, onde trabalhou numa Orquestra Sinfónica. Lá conheceu um galego numa caminhada por uma montanha e terminou morando na Galiza. Atualmente é colaboradora do projeto Semente Vigo.

  • AGAL – Crónica da Assembleia

    O Conselho da AGAL decidiu descentralizar a realizaçom das suas assembleias, que nos últimos anos estavam a decorrer alternadamente em Ponte Vedra (outono) e Compostela (primavera). As primeiras (umha ordinária e outra extraordinária) fora destas cidades figérom-se ontem na segunda localidade galega mais importante em número de sócios: Ourense. Esta cidade tivo umha importância fundamental […]

  • Carlos David González Bermúdez: “Gostaria que se detivesse o processo de hibridação do galego com o castelhano, o que não deixa de ser uma morte devagar, lenta, para o galego”

    Valentim Fagim entrevista Carlos David González Bermúdez, que mora em Madrid, onde muitos dos seus amigos são também galegos e onde tenta transmitir a língua à sua criança de 4 anos. Acha um grande erro o modelo Ilg-Rag ter sido institucionalizado para o galego e é pessimista dada a indiferença social que existe em volta da língua. Deseja para a AGAL mais visibilidade social e que nas cidades o galego ganhe espaço entre as crianças.

  • Apresentação de ‘Abadessa oí dizer…’

    Quinta-feira 1 de junho Através editora, apresenta ‘Abadessa, oí dizer. Relatos eróticos de escritoras da Galiza’ em Compostela. O evento decorrerá na livraria NUMAX a partir das 20h com a presença das autoras Teresa Moure, Eva Xanim, Susana Sánchez Arins, Isabel Rei Samartim e Verónica Martínez Delgado. Apresenta o crítico literário Mario Regueira. ……………. Mais […]

  • Atlas das Nações sem Estado na Europa

    O Atlas das Nações sem Estado da Europa é um ambicioso trabalho documental e de divulgação elaborado pola plataforma Eurominority. Dirigido polo bretão Mikael Bodlore-Penlaez, foi editado em francês e inglês. A versão galega que a Através Editora está a preparar é uma edição atualizada que pretende socializar entre o nosso público a realidade presente […]

  • ‘O futuro é para sempre. Experiência, expectativa e práticas possíveis’ de Paula Godinho

    O futuro é para sempre. Experiência, expectativa e práticas possíveis tem por objetivo principal partir em busca de práticas possíveis, a partir das quais os seres humanos delineiam futuros, em situações de mudança. O livro articula três investigações realizadas em Portugal e na Galiza, em conjunturas diversas. Através delas, procura-se analisar certas “práticas possíveis” entre […]

  • Saul Domínguez: “Seria preciso um galeguismo mais eficiente, que fosse capaz de penetrar no tecido empresarial galego e nos âmbitos cientifico-técnicos”

    Valentim Fagim entrevista o novo sócio da AGAL: Saul Domínguez Negreira, um rapaz de aldeia que não gostava do galego da televisão e que agora trabalha em Madrid. Deseja um galeguismo mais eficiente que não se centre apenas no campo cultural e acha que a estratégia internacional é a única com futuro.

  • O Quarto Segredo de Fátima: após a conversom da Rússia, a pola conversom da R.A.G.!

    O Quarto Segredo de Fátima: após a conversom da Rússia, a pola conversom da R.A.G.! Segundo a Irmã Lúcia, que mais tarde se fizera na Galiza freira da Ordem das Carmelitas Descalças, a 13 de maio de 1917 Nossa Senhora de Fátima terá revelado um segredo, constituído por três partes, de caráter profético. As duas […]