Opiniom

  • A nossa língua está em perigo?

    Polas filhas dos nossos filhos. Sim, é assim que vai ser a convocatória da manifestação do dia 8 de fevereiro em Compostela.

  • Que laranja foi primeiro, a cor ou a fruta?

    A laranja chama-se laranja porque é laranja ou chama-se laranja ao laranja porque as laranjas som laranjas? Que foi antes, a cor ou a fruta? Para evitar ansiedades desnecessárias, digo-vos já a resposta: Primeiro foi a fruta, e depois passou a chamar-se laranja também a cor. Mas vamos por partes. A COR Para sermos exatos, […]

  • Música brasileira no cinema

    Talvez a passeata contra a guitarra elétrica seja junto com a proclamação da independência e a construção da Fordlândia dos acontecimentos históricos mais originais do Brasil. O Brasil é o único país do mundo que conseguiu convencer o monarca da metrópole para independentizar a colónia. Dom Pedro I passou de rei de Portugal a imperador […]

  • Águas Caldas

    Lilaila Tinha as costas apoiadas contra a parede da piscina, os braços estendidos sobre a barra de aço que percorria o bordo. Sentia como as bolhas lhe subiam desde os pés até as coxas, proporcionando-lhe uma imensa sensação de prazer. Deixou a cabeça recostar brandamente e fechou os olhos para concentrar-se nos seus sentidos físicos. […]

  • Por uma nova visão galaica

    “Muita gente pequena, em muitos lugares pequenos, fazendo coisas pequenas, mudará a face da Terra”. (Provérbio africano) Neste tempo de mudança profunda –velho paradigma caminho da extinção, novo paradigma ainda em face de criação—, não podemos deixar de tentar, deste pequeno reduto do Atlântico Norte, achegar nosso grão de sabedoria e força para que a […]

  • Pragmatismo histórico

    Este artigo de Carlos Quiroga foi publicado originalmente no n.º 1.155 do Jornal de Letras, dentro de um especial sobre a Galiza e a Lusofonia.

  • Ainda não chegamos à Irlanda

    Gosto do lema “Galiza, célula de universalidade”. Creio que dá no alvo de uma das muitas dualidades que limitam a visão que os galegos têm de si próprios.

  • O Sabóia que véu morrer na foz do Douro

    Carlos Alberto de Sabóia morreu no Porto derrotado e destronado, mas, o seu filho chegou a cingir a coroa da Itália unificada como Victor Manuel II embora lhe valesse a excomunhom de Pio IX.

  • Português para ‘dummies’ em aulas de Língua Galega

    Estou a visualizar uma aula de Língua Galega em sexto de Primária, que inclui uma nova unidade didática chamada “Do galego ao portugués en 3 horas”.

  • Uma ilusão necessária

    Outra vez saíram números, desta vez do IGE, Instituto Galego de Estatística. Nos tempos que nos tocou viver os números ganharam grande importância na hora de criar emoções e mover o pessoal. De facto, ambas as palavras, emoção e mover, estão unidas em origem. Os números sobre usos da língua galega são os habituais e […]