Opiniom

  • ALDEMIR

    Microrrelato para a Campanha  ILP De proteção do bosque autoctone da Galiza. Protegidas da chuva polos suportais do Concelho, duas mulheres pediam assinaturas a gente que passava. Para proteger os bosques autóctones da Galiza. A voluntaria da Cruz Vermelha que o acompanhava assinou depois de ter falado algo com elas, e ele fez o mesmo […]

  • Palavras russas no português

    Há dois anos viajei à Rússia e fiz este artigo. Se acharem interessante, pelo do mundial de futebol…   Poucas vezes saio do meu mundo, mas das vezes que consegui e tive vontade (estas duas condições nem sempre apareceram juntas) faço um artigo sobre língua X e português. Este verão vou de férias à Rússia […]

  • A casa de Flore

    “…aquellos Moscosos que se distinguieron entre los paladines portugueses en la ardiente África…” Emilia Pardo Bazán, La madre naturaleza Pazo de Moscoso, em Ardemil Para aldeias ordenses fecundas na história, a de Moscoso, em Ardemil, origem dum dos apelidos galegos com maior tradiçom. Nom há, porém, unanimidade à hora de explicar este topónimo, para o […]

  • Teresa Salgueiro no Nexos

    Eu não sou uma influencer. O tema do meu blogue não é tão maioritário como para eu ter milhares de fãs que me leiam e tentem seguir as minhas indicações. Quem me dera a mim criar modas! Suponho que os e as influencers medem o seu sucesso com o número de followers. Eu sou obrigada […]

  • O perfume de Julieta

    Caminho a Lesta Recebe a sua denominaçom a paróquia ordense de Santo André de Lesta da planta do mesmo nome (Anthoxanthum odoratum), sendo o Lestido, lugar de Monço, o abundancial da mesma espécie. Outros derivados desta gramínea que também engendrárom topónimos –e a partir deste, apelidos- som Lestedo, Lestom ou Lesteiro. A planta da lesta […]

  • 5 dicas para uma acentuação intuitiva

    Um desses óssos de aprender a escrever foi sempre a acentuação. Este post vai para aquelas pessoas que começam a dar os primeiros passos na ortografia internacional e sentem isto como um grande desafio. Sei que não estou a dar uma fórmula mágica, mas podemos entender esta publicação como umas regras para darmos menos erros. […]

  • ‘Reboquismo e dialética’, o regresso do Lukács dos anos 20

    RESENHA: György Lukács : Reboquismo e dialética. Uma resposta aos críticos de História e consciência de classe (Boitempo Editorial, 2015) Permita-se-me iniciar esta pequena resenha com umha reflexom prévia em torno da utilidade que a reintegraçom do galego no seu ámbito histórico-lingüístico tem para nos dar de maneira direta e concreta. György Lukács é tido […]

  • A raça das Brá

      dedicado a Estefanía Bra, muita força! Mulheres Brá da minha família Di umha lenda do País de Gales que Bran, filho de Llyr e irmao de Manawyddan, foi ferido por umha lança envelenada no transcurso do combate contra Matholwch de Ywerddon. Foi entom que Bran ordenou aos seus companheiros que sobreviveram à batalha que […]

  • Sofia Maul e Susana Cecílio no 7 Falares

    A narração oral terá como capital a cidade de Ponte Vedra os dias 7, 8, 9 e 10 de junho. Com a chegada da primavera somos muitos os e as lusopatas que esperamos este evento com incontida emoção. O poder cativante das estórias é um íman para mim. Sempre gostei de ouvir a minha avó […]

  • O poema mais formoso em língua galega

      O objecto da poesia é a poesia. Eduardo Moreiras. Quando li este poema fiquei namorado de cada palavra. Fui ao piano e nasceu uma melodia. Mostrei-a a Helena e nasceu uma canção. Assim é a milagre da escrita feita som, assim é a minha vida, uma busca continuada da canção perfeita. Esta semana o […]