ALDEIAS DE ORDES

As aldeias das leitoras (I): O Seixo



Com os primeiros artigos do blogue fôrom chegando também mensagens de leitoras que perguntam polas suas aldeias, assim que intentaremos ir dando resposta conforme podamos e saibamos, pois a restriçom às comunicaçons dos presos políticos no Estado espanhol é a que é. Esta é a primeira: A seareira deportivista Pilar Bermúdez Antelo, filha dum homem nado no Seixo de Mercurim, di que quer saber mais sobre a aldeia do seu pai. Este lugar, conforme explica a minha avoa Valentina da Vitória, conformam-no as seguintes cinco casas: a de Margarita, a de Feliciano, a do Guarda Civil, a de Carminha de Ramas e a de Segundo de Manhufe.

Como topónimo, o Seixo é frequentíssimo na Galiza e Portugal, e a palabra vem do latim saxum ‘rocha, penedo’, polo que o topónimo fai alusom a umha terra mui difícil de lavrar pola grande presença de pedra de quarzo. Di o filólogo Sestay, que a forma em singular do topónimo, O Seixo, “pode fazer referencia directa a unha gran pedra, a un penedo, non aos seixos de cuarzo nin ás terras seixentas”[1].

Letreiro no Mesom do Vento para chegar á aldeia do Seixo de Ardemil
Letreiro no Mesom do Vento para chegar á aldeia do Seixo de Ardemil

O Seixo também é um lugar de Ardemil –berço da raça das Bouzas, jornalistas e actrizes-, o primeiro polo que entra o Caminho Inglês no concelho de Ordes nada mais passar a pequeníssima freguesia de Sam Lourenço de Bruma. Ainda, temos na comarca outro Seixo, este sem artigo, em Sam Romám de Passarelos, e um Seixám em Cavaleiros (segundo parece ver-se na cartografia do IGN, pois nom vem no Nomenclátor), topónimo que semelha lamentar um terreno mui abundante em seixo, um “terreno seixám”.

[1]Iván Sestay Martínez, Toponimia do Val do Fragoso, Vol. 2. Lavadores, Vigo, Universidade de Vigo, 2010, p. 168.

Publicado em Aldeias de Ordes, 26,03,2018.

Carlos C. Varela

Carlos C. Varela

Carlos Calvo Varela (Ordes, 1988) colaborou e colabora com diveros meios de comunicaçom, entre os quais Novas da Galiza, Praza Pública e o Portal Galego da Língua. Estudante de Antropologia e investigador, tem publicado numerosos artigos em portais web, revistas e livros, além de realizar um reconhecido labor como dinamizador social e cultural em coletivos de Compostela e Ordes.
Carlos C. Varela

Latest posts by Carlos C. Varela (see all)


PUBLICIDADE